Por Nayara Santos em 20.10.2023

Ritmos musicais: confira os mais indicados para cada momento do dia

Por Nayara Santos em 20.10.2023

A música tem a propriedade de influenciar o estado de espírito das pessoas, independentemente do ambiente em que elas estejam. Ela pode te ajudar a se acalmar, trazer disposição para determinadas atividades e até mesmo inspirar emoções diversas. 

O tipo de emoção que ela desperta e a forma como ela influencia o seu humor está diretamente relacionado às variações entre os ritmos musicais. Acredita-se que a frequência das ondas sonoras seja capaz de alterar o ambiente, inclusive, existem estudos que comprovam a eficiência da música para o manejo de plantações e animais, aumentando a produtividade. 

Mas, existem também outros ambientes que podem se beneficiar com os diferentes ritmos musicais, como é o caso do varejo. Por isso, neste artigo nós vamos explicar um pouco sobre os principais ritmos musicais e como você pode escolher o ritmo certo para cada momento do dia na sua loja. Vamos lá!

Os ritmos musicais e a influência no cliente

Primeiramente, é importante entender como os ritmos musicais influenciam as pessoas. De modo geral, o ritmo é definido pelas variações entre a frequência e a intensidade dos sons. Mas há diversos estilos ou gêneros musicais que são caracterizados especificamente pelo seu ritmo. 

Por isso, essa palavra também é utilizada para fazer referência a essas formas de categorização. O tempo utilizado para a composição das canções é determinante para os efeitos que ela produz e como ela irá influenciar o ambiente.

Você bem sabe que as músicas com ritmos mais agitados, com tempos acelerados e notas potentes tendem a aumentar ou induzir uma maior atividade, sendo indicadas para momentos em que é preciso ação. Trazendo isso para o varejo, esse ritmo pode ser utilizado em momentos de maior movimento na loja. 

Com isso, você conseguirá influenciar o cliente a escolher o produto que ele quer, pagar e sair da loja mais rápido. E tudo isso sem comprometer a experiência de compras, muito pelo contrário, deixando-a melhor, sem dar a sensação de que o cliente estava com pressa para efetuar as compras.

Já as canções mais perenes, com melodias leves e cadências suaves tendem a aumentar a concentração e introspecção. Ideal para aqueles momentos de movimento mais tranquilo, estimulando o cliente a permanecer mais tempo na loja, olhar cada produto com calma e escolher aquilo que ele deseja comprar. 

É interessante como a música pode influenciar o consumidor, não é mesmo? Então confira o nosso infográfico e descubra como isso pode ser feito, tanto de forma positiva como o resultado de escolher a trilha sonora errada. Clique aqui e faça o download, é totalmente gratuito. A seguir vamos falar como ao longo do dia diferentes ritmos musicais podem ser necessários ou utilizados.

Ritmos musicais para começar bem o dia

O nosso cérebro é capaz de memorizar e de relacionar uma determinada canção, melodia ou mesmo um ritmo musical a emoções e lembranças específicas. Isso é muito utilizado comercialmente por meio do music branding, que é a utilização de uma trilha sonora para criar uma associação de emoções com uma determinada marca.

É possível utilizar isso a nosso favor, entrando em contato com sensações e lembranças positivas e inspiradoras nos primeiros momentos do dia por meio de músicas que têm significado para nós. Durante o período da manhã é quando mais precisamos desse incentivo positivo para começar bem o dia. 

Então não deixe de incluir essa ferramenta poderosa em sua rotina matinal e na sua loja.

Despertar

Na hora de acordar, na primeira manifestação da nossa consciência após o período de repouso, é um momento em que estamos muito susceptíveis a estímulos. É nesse momento em que é determinado o estado mental e de espírito que nos acompanhará por todo o dia, ou pelo menos por boa parte dele. Por isso é preciso escolher bem!

Procure optar por ritmos alegres, que tenham uma cadência crescente ou com os quais você tenha uma conexão emocional profunda, por alguma memória afetiva. O gênero musical escolhido pode variar bastante de acordo com o gosto de cada pessoa, ou com aquilo que ela precisa inspirar em si, como o rock, o samba ou a música clássica. Evite melodias melancólicas.

Ir à academia

Depois de despertar e de estabelecer uma boa disposição psicológica para enfrentar o dia, uma boa opção é partir para estímulos físicos. Essa é a preferência de muitas pessoas, que incluem exercícios físicos na rotina matinal. Se esse for o seu caso é nesse momento que você precisa escolher um ritmo que estimule suas atividades e as torne menos penosas.

Na academia o corpo precisa ser estimulado por ritmos acelerados e potentes, que tenham uma cadência bem marcada, capaz de compassar os seus movimentos para ajudar a manter o controle e a persistência dos movimentos. Escolha músicas que tenham um ritmo bem definido e com marcações.

Caminhar

Caminhar é uma excelente atividade física, mas que exige menos esforço por parte do corpo. Apesar disso, essa é uma atividade capaz de oxigenar o cérebro e possibilitar maior clareza nos pensamentos e capacidade de raciocínio. Sem falar que ela também exercita o corpo todo. Muitas pessoas aproveitam a manhã para fazer uma caminhada. E a música torna a atividade ainda melhor!

Para caminhar você não precisa seguir um padrão ou forçar o corpo em picos de esforço, também é bastante improvável que você perca o ritmo. Então aproveite livremente para variar e escolher ritmos que sejam capazes de te proporcionar prazer, de acordo com a sua preferência pessoal. As melodias e as canções cuja letra te fazem pensar são ótimas escolhas.

Planejar suas atividades

Ao final dos preparativos para enfrentar a jornada diária é chegado o momento de planejar a execução de todas as tarefas que precisam ser executadas. Para não esquecer nada importante e conseguir fazer tudo da forma mais eficaz e eficiente possível é recomendado gastar alguns minutos fazendo uma lista de tudo o que você precisa resolver naquele dia. Além disso, você também pode organizar cada uma das tarefas de modo que o dia seja mais produtivo.


Nesse momento, que pode ser sentado à mesa do café, no ponto de ônibus ou quem sabe esperando por alguém, os ritmos mais indicados são aqueles menos agressivos e com frequência menor, músicas lentas e com baixa intensidade nas notas. Assim você cria um segundo plano para os seus pensamentos que não atrapalha a fluidez e a organização deles.

Enfrentando a jornada com os ritmos certos

Durante o dia você pode sentir a necessidade de receber diversos estímulos diferentes. Em alguns momentos é preciso ser mais dinâmico e ativo, em outros uma maior contemplação e abstração, há ainda as situações em que você precisa contagiar as pessoas ao seu redor. Para cada tipo de momento há um ritmo que pode te ajudar.

Ouvir no trânsito

O trânsito, principalmente nas grandes metrópoles, é responsável por tomar grande parte do dia das pessoas. Muitas vezes é preciso passar horas se deslocando para realizar as atividades diárias e todo esse tempo acaba tendo grande influência no nosso estado de espírito. Por isso é tão importante escolher o ritmo certo para te acompanhar enquanto dirige.

Ritmos muito estimulantes e que possuem uma levada crescente podem gerar irritação e ansiedade em um momento em que você não pode se mover como gostaria. Procure escolher melodias animadas, mas que não tenham uma frequência sonora muito acelerada. É um bom momento para apreciar musicalidades mais complexas, já que será preciso pouca atividade da sua parte.

Tocar em lojas

Se você trabalha no comércio já deve ter percebido o quanto a música está presente nesse tipo de ambiente. Isso não acontece por acaso. Por meio da escolha correta das músicas em execução em um ambiente é possível que você altere a percepção dos consumidores que frequentam a loja, diminuindo os níveis de estresse de quem chega e aumentando a personalidade do ambiente.

Esses ambientes se tornam não apenas mais agradáveis, mas também interessantes e acolhedores. Principalmente quando quem passa pelo local consegue criar uma identificação com os ritmos que estão sendo tocados. Com a playlist certa de músicas para ouvir em loja é possível aumentar o engajamento dos funcionários e estimular simpatia por quem passar por ali.

Curtir o almoço

A hora do almoço costuma ser um momento de descontração que possibilita uma quebra no meio do nosso dia, abrindo espaço para minutos de relaxamento e boas conversas. É importante aproveitar bem essa pausa para dar um descanso ao nosso cérebro, assim conseguimos manter uma boa performance durante todo o dia.

Os ritmos muito agressivos ou acelerados não são muito indicados neste momento. Vale quase tudo, menos canções que estimulem em excesso ou que sejam muito melancólicas e emotivas. Aproveite para escolher os gêneros musicais com os quais você e suas companhias mais se identificam e divirtam-se bastante!

Se concentrar

Ao contrário do que muitos pensam, a presença de música no ambiente não necessariamente atrapalha a concentração. Inclusive, os sons são muito utilizados para aumentar a capacidade de concentração durante meditações. É comum que os rituais de meditação, oração e de devoção sejam acompanhados por sons, para criarem um ambiente mais propício.

Não importa qual seja o ritmo escolhido, desde que ele propicie um ambiente com a neutralidade necessária. É possível escolher, até mesmo, sons da natureza, desde que o ritmo e a cadência estejam presentes na medida certa. Escolha músicas com harmonias menos complexas e com tempos mais suaves, que também possuam um ritmo bem marcado.

Aumentar a produtividade

Aumentar a produtividade é um conceito bastante relativo, já que depende muito da atividade que será executada. Algumas necessitarão de uma maior capacidade de abstração e imaginação, em outras será necessária uma maior entrega física. Mas para cada situação há um ritmo musical que poderá melhorar a performance.

O segredo, inclusive, é saber escolher aquele que melhor se encaixa com a atividade que será executada. Para aumentar sua produtividade por meio da música é preciso apenas que você escolha com atenção e cuidado o ritmo musical que melhor se adequa à sua necessidade naquele momento. Escolher errado poderá ter o efeito oposto e diminuir a sua produtividade.

Quer conhecer outros hacks para melhorar a sua produtividade? Então é só clicar aqui.

Escolhendo o ritmo musical certo para relaxar

Depois de enfrentar um longo dia de atividades exaustivas, empregar grande parte do seu tempo em atividades laborais ou em função de necessidades de outras pessoas que precisam ser atendidas por você, é chegado o momento de relaxar. O descanso é fundamental para o conhecimento adquirido durante o dia se fixar e os pensamentos sejam organizados.

Escutar sua playlist favorita com músicas que acalmam é uma boa pedida para diminuir o estresse e reencontrar o melhor estado de espírito. Não é apenas no trabalho e no cumprimento das obrigações que precisamos estar mais bem-dispostos, para gastar tempo de qualidade com as pessoas que gostamos e fazendo as atividades que nos dão prazer também!

Happy hour

Para muitas pessoas esse é o melhor momento do dia. Uma bebida relaxante ou um bom papo nesse momento do dia pode ser fundamental para manter a energia e o astral em alta. E nesse momento também a música tem um papel fundamental. Escolher o ritmo certo para esse aumenta o potencial de descontração e de relaxamento que ele possui.

Seja em um bar, uma cafeteria ou na casa de um amigo, hoje quase sempre é possível que você escolha a música do ambiente, ou, pelo menos, possa opinar. Se houver a possibilidade de utilizar o seu próprio dispositivo por meio de redes de compartilhamento, selecione a playlist com o ritmo que mais te agradar e deixe o som tocar!

Tomando banho

Ouvir música tomando banho é uma das coisas mais agradáveis que há. Quem é que nunca cantou no chuveiro, não é mesmo? É preciso apenas tomar cuidado para não estender demais o momento. A consciência ambiental é fundamental e também faz bem para o bolso não exagerar no tempo do banho. Mas não deixe de, pelo menos de vez em quando, se proporcionar esse momento.

Escolha o ritmo que quiser! Nessa hora vale tudo. Ritmos acelerados e divertidos, melancólicos, românticos, dançantes e canções que você gosta de cantar. Não tenha vergonha de se soltar. Esse momento relaxante poderá proporcionar a catarse de muitas emoções que você viveu durante o dia, então escolha bem e aproveite.

No jantar

Assim como no caso dos ritmos escolhidos para a playlist de músicas para lojas na hora do jantar, o que interessa é criar um ambiente positivo para as suas intenções, principalmente se você tiver companhia. Essa companhia pode ser aquela molecada que exige nossa atenção e paciência na hora das refeições, ou alguém que você queira impressionar.

O melhor ritmo musical para momentos como esse vai depender das sensações e emoções que você precisa estimular. Mas, assim como no almoço, você deve ter em mente que durante as refeições os ritmos muito agitados e potentes não são recomendados. Então escolha uma lista de músicas coerentes e com a suavidade que o momento pede para que elas não sobressaiam e acabem atrapalhando.

E assim o seu dia pode terminar da melhor forma possível. Sempre acompanhado dos melhores ritmos, principalmente escolhendo aquele ideal para cada momento, seu dia passará mais rápido e você conseguirá ter mais sucesso no que almeja. A música traz leveza e inspira a todos e por isso você precisa valorizar e utilizar essas propriedades todos os dias.

Ritmos musicais e o varejo, uma estratégia para você se destacar

Bom, você já entendeu que a música é capaz de influenciar cada momento do seu dia, e escolher a trilha sonora certa pode tornar cada um deles ainda melhor. Justamente por isso que, se você é dono de uma loja de varejo, é preciso escolher a música e o ritmo musical que será utilizado ao longo do dia.

Isso acontece porque no início da manhã os clientes estarão em um ritmo totalmente diferente daqueles que frequentam a loja no final do dia. Assim, se você quiser encantar os clientes e oferecer um bom ambiente de compras, é preciso ficar atento a qual ritmo melhor se encaixa em cada período.

Além disso, na hora de escolher a música certa para a sua loja é preciso ficar atento a quais estilos musicais os seus clientes gostam, ao mesmo tempo em que você se mantém fiel à identidade da sua marca. Os diversos estudos sobre influência da música e dos ritmos musicais nas pessoas realizados pelo Dr. Adrian North mostram que as empresas que tocam música que tenham a ver com a identidade da empresa, possuem 96% mais de chance de serem lembradas pelos clientes.

Dito isso, é evidente que essa não é uma tarefa fácil e que pode ser realizada em um único dia. Afinal, é preciso conhecer bem o seu cliente, quais músicas e ritmos musicais eles gostam. Além disso, também é preciso saber exatamente qual é a identidade da sua marca e a mensagem que ela quer levar aos clientes. 

Ou seja, basear a sua playlist no seu gosto musical e no de seus vendedores pode ser um erro gravíssimo que poderá custar não apenas algumas vendas, como também a fidelização de clientes. Aqui, a gente te conta tudo sobre como escolher a playlist certa para a sua loja.

Por que devo apostar no music branding?

Bom, você já entendeu a importância de ter música certa na sua loja e já sabe como ela pode influenciar os seus clientes, certo? Mas é importante explorar como a música pode ajudar a reforçar a identidade da sua marca. Inclusive, você pode criar uma identidade sonora para a sua marca.

Como falamos anteriormente, isso ajuda o cliente a se identificar com a sua marca, e até mesmo a reconhecê-la apenas com a trilha sonora. E, sem dúvida alguma, os ritmos são essenciais nesse momento. Já que são eles que irão conferir a energia certa à sua playlist e ao ambiente da loja.

Mas, afinal, o que é o music branding?

Antes de continuarmos, é importante explicar o que é o music branding. Ele consiste basicamente em uma série de músicas que foram cuidadosamente selecionadas para transmitir um determinado sentimento ou mensagem para o público da sua marca. 

Quer um exemplo bastante simples? Algumas pessoas gostam de limpar a casa ouvindo música. Mas, geralmente, elas procuram músicas mais animadas e com ritmos mais rápidos para manter a motivação e um nível de energia mais alto.

Além disso, todos nós já estivemos em uma ou mais ocasiões que foram marcadas pelas músicas que estavam tocando, sejam elas boas ou ruins. Isso é absolutamente normal e faz parte da nossa memória auditiva, mesmo que você ache que não está prestando atenção ao que está tocando, inconscientemente percebemos os sons ao nosso redor. E, como você já sabe, isso pode afetar as nossas decisões.

Por isso é tão importante ser cuidadoso com o que você toca na sua loja. Afinal, você quer despertar boas emoções nos clientes e maximizar os seus resultados. Sendo esse, inclusive, um dos motivos pelos quais diferentes trilhas sonoras podem ser necessárias em diferentes momentos do dia. 

O music branding funciona de modo bastante similar ao de montar uma playlist em alguma plataforma de música. A diferença é que no varejo você pode contar com uma equipe de especialistas em músicas para negócios que preparam essas playlists para você. O seu trabalho será apenas escolher qual a playlist que você vai querer utilizar.

Como o music branding pode reforçar a identidade da sua marca

Muitos gestores do varejo entendem que a comunicação visual e o atendimento precisam impactar os clientes imediatamente. Tanto é que, muitos recursos são destinados à criação de logos, identidade visual da empresa e ao treinamento de funcionários.

Antes que você pergunte, sim, esses são pontos importantíssimos que devem ser explorados e que merecem investimento. Entretanto, poucos varejistas entendem como a música pode ajudar a unir todos esses elementos. Afinal, de nada adianta ter uma loja com decoração moderna e uma playlist ultrapassada e que não representa a sua marca.

De modo geral, as músicas reproduzidas na sua loja devem se enquadrar no nicho definido pela empresa, e geralmente são: clássico, moderno, formal, descontraído, adulto, infantil. Mas esse é apenas um guia na hora de começar a preparar as playlists e o music branding da sua marca. Muitos outros detalhes devem ser considerados neste momento e falaremos brevemente sobre isso a seguir.

Criando a sua estratégia de music branding e escolhendo os ritmos musicais certos

Bom, vamos ao que interessa e te contar como você pode criar uma estratégia de music branding sob medida para a sua marca.

1. Procure combinar estratégias

Lembre-se que a identidade da sua marca é muito mais do que um logo. Muito pelo contrário, ela é formada por diferentes elementos, como a forma como ela se comunica, as cores, a decoração da loja, o atendimento oferecido, o cheiro da loja e, claro, a música.

Por isso, o ideal é que você combine estratégias, utilizando cada um desses elementos para destacar as características e a mensagem que a sua marca quer passar para os clientes.

2. Aposte na tecnologia

Assim como os sistemas de gestão facilitam a rotina no varejo, também existem softwares específicos para sempre ter música ambiente na sua loja. Além disso, eles também limitam o acesso, evitando que outras pessoas façam alterações na trilha sonora sem autorização. 

Portanto, você não precisa fazer isso sozinho. Contar com a ajuda de empresas especializadas, é, sem dúvida alguma, a melhor opção para ter a música certa na sua loja. Saiba como a Listenx pode te ajudar neste quesito.

Inclusive, a Listenx é uma ferramenta completa de marketing para o varejo. Isso porque, além de possuir um time de especialistas em música para negócios, ela ainda oferece a possibilidade de incluir anúncios ao longo da programação musical.

Desta forma, você não apenas estará se conectando com os consumidores e criando vínculos, mas também facilitando a rotina de compras. Por exemplo, ao divulgar uma oferta da loja da qual ele não sabia, ou então ao convidá-lo a fazer parte do clube de fidelidade, ou até mesmo para informar sobre a inauguração de uma nova unidade.

Tudo isso você consegue com uma única ferramenta! Quer facilidade e versatilidade? Então vá até o final deste texto e solicite o seu teste gratuito agora mesmo!

3. Escolha as músicas e os ritmos conforme as sensações que você quer despertar

Antes de preparar a sua playlist é essencial entender quais sensações você quer despertar em quem entrar na sua loja. Vale a pena dizer que isso pode variar conforme o horário do dia, a data comemorativa ou até mesmo o dia da semana.

Isso exige conhecimento não apenas da sua marca, mas também dos hábitos de consumidor dos seus clientes. Por exemplo, é muito comum algumas lojas colocarem músicas com ritmos mais agitados nos momentos em que o supermercado está mais cheio. Isso agiliza as compras, sem que o cliente perca a experiência.

4. Atualizações e expansões podem ser necessárias

Todo empreendedor quer que a sua empresa prospere e cresça, por isso, ao planejar o seu music branding tenha isso em mente. Além disso, ao longo da jornada é comum que empresas precisem fazer um rebranding e a trilha sonora deve acompanhar isso.

Outro ponto importante é a atualização da playlist, que deve ser feita de tempos em tempos. Assim, você mantém sempre a novidade, inclui músicas e ritmos mais atuais e não cansa nem o seu cliente e nem a sua equipe de vendas.

Tenha no seu negócio a playlist ideal para os seus clientes

A música certa tem o poder de melhorar a experiência de compra, aumentar o tempo de permanência no interior da loja, aumentar a fidelização e consequentemente aumentar suas vendas. 

Com a Listenplay você tem acesso a mais de 100 playlists criadas por especialistas e ainda pode criar anúncios personalizados para divulgar todas as promoções e campanhas da sua loja. Legal né? 

Teste agora mesmo a Listenplay por 10 dias grátis, revolucione a experiência dos seus clientes e aumente suas vendas! 

Compartilhe

Você também pode gostar

Por que utilizar música para atrair clientes? Confira 5 motivos!

Se você não está usando música para atrair mais clientes para a sua loja, não faz ideia de quantas oportunidades pode estar perdendo. Acredite, o som ambiente em uma loja pode fazer uma grande diferença na forma como a sua marca é percebida pelo cliente, na experiência de compras que ele tem e, claro, no…

Por Nayara Santos em 30.11.2023

Som ambiente para empresas: saiba tudo sobre o assunto

Você sabia que oferecer som ambiente na sua empresa pode fazer com que a produtividade dos funcionários aumentem? Ou então, que o som ambiente em loja pode aumentar as suas vendas? Melhor ainda, ele também pode te ajudar a reforçar a identidade da marca e oferecer uma experiência única para os clientes? Pode até parecer…

Por Nayara Santos em 16.11.2023

Regionalismo e music branding: entenda a relação entre eles

Em um país tão grande quanto o Brasil, seria ingenuidade pensar que não haveria diferenças musicais entre as regiões. Inclusive, você já deve ter percebido que alguns gêneros musicais são mais populares que outros dependendo da localidade. Mas, o que isso tem a ver com o varejo? Tudo! A música é capaz de conectar o…

Por Nayara Santos em 14.12.2023

Identidade Sonora: entenda a importância de ter na sua Loja

 Quando falamos em identidade da marca a primeira coisa que você pensa provavelmente é no logo, na tipografia, nas cores e no tom de voz da sua marca. Mas, e a identidade sonora da sua loja? Já parou para pensar qual é a importância de ter uma e os benefícios que isso pode trazer…

Por Nayara Santos em 30.11.2023

Música Gospel para estabelecimentos comerciais: quando e como usar?

Será que eu posso tocar música gospel no meu estabelecimento comercial? Essa é uma dúvida bastante frequente dos varejistas, por isso preparamos um artigo para te contar mais se esse é o estilo adequado e como a música pode influenciar a sua loja. Vale a pena lembrar que a escolha do som ambiente de uma…

Por Nayara Santos em 24.01.2024

Música ambiente para loja: como aumentar o tempo de permanência dos clientes?

A música ambiente pode desempenhar um papel importantíssimo no seu estabelecimento comercial. Quando bem aplicada você consegue deixar o ambiente da loja agradável e aconchegante para o cliente fazer compras. Essa é uma das ações do marketing sensorial capaz de proporcionar um diferencial para sua empresa em relação à concorrência. Afinal, com tantos desafios é…

Por Nayara Santos em 31.10.2023

Listenplay: entenda como funciona esse serviço de música!

Uma coisa todo mundo deve concordar: a playlist de uma loja impacta, e muito, o comportamento tanto dos vendedores quanto dos seus clientes. Não acredita? Então fica com a gente que nós vamos te contar como melhorar essa estratégia para conquistar os resultados desejados. Todos que trabalham no varejo têm como objetivo o crescimento constante…

Por Nayara Santos em 14.12.2023

O que é ECAD? Tudo o que você precisa saber sobre

Se você está pensando em implementar uma estratégia musical na sua loja, então precisa saber o que é o ECAD e como ele funciona. A sigla significa Escritório Central de Arrecadação e Distribuição, e tem como função facilitar o pagamento e a distribuição dos direitos autorais. Portanto, o ECAD é o órgão responsável pela arrecadação…

Por Nayara Santos em 04.04.2023

O que é curadoria musical e como isso afeta o posicionamento da marca?

 Você sabe o que é a curadoria musical? Sabe o que isso representa quando estamos falando de sonorização ambiente de uma loja? Entende como ela pode afetar a conexão e o relacionamento com os seus clientes? Se você respondeu não para algumas dessas perguntas, então esse artigo vai te ajudar. A curadoria musical influencia…

Por Nayara Santos em 24.01.2024

Receba nossos conteúdos exclusivos