Por Nayara Santos em 13.07.2023

Voice commerce: descubra o que é e como preparar o seu negócio

Por Nayara Santos em 13.07.2023

O avanço tecnológico trouxe consigo uma grande diversidade de ferramentas que podem ser utilizadas para aumentar a visibilidade e os lucros do seu negócio. Uma delas é o voice commerce, que consiste na realização de compras online utilizando assistentes virtuais. Mas, será que o negócio está preparado para isso?

Calma, justamente pela curiosidade ou necessidade de saber mais sobre o assunto, é que você chegou aqui, certo? Neste artigo vamos te contar tudo o que você precisa saber sobre voice commerce, como ele funciona, quais as vantagens, como preparar o seu negócio e os desafios que os varejistas enfrentam.

Venha com a gente e confira tudo sobre o assunto! Boa leitura!

O que é voice commerce?

Voice commerce é a compra em lojas virtuais realizadas por voz e com o auxílio de assistentes virtuais. Ou seja, com esse recurso, os clientes podem comprar qualquer produto em um e-commerce apenas com comandos de voz, sem precisar digitar uma palavra sequer.

Vale a pena dizer que o voice commerce não inclui apenas a compra em si, mas também a pesquisa por produtos, e-commerces que o possuem e até mesmo a reputação da empresa. Portanto, a jornada de compras assume um formato um pouco diferente do convencional.

Claro que sem a tecnologia e a inteligência artificial isso não seria possível. Afinal, você precisa ter um assistente virtual para te auxiliar nessa tarefa. Podemos mencionar como assistentes:

  • Alexa – Amazon Echo;
  • Google Assistant – Google;
  • Siri – Apple.

Vale a pena dizer que esses assistentes estão sendo cada vez mais utilizados para integrar equipamentos e dispositivos pela casa, tornando as atividades cotidianas automatizadas ou controladas por comandos de voz. E, a compra de um produto online é apenas mais uma dessas atividades.


Mas, se você ainda não se convenceu de que essa é uma tendência para o varejo, vamos a alguns números. Uma pesquisa mostrou que o uso de assistentes virtuais aumentou em 47% durante a pandemia. Além disso, quase a metade dos usuários confirmaram que utilizam a assistente pelo menos uma vez por semana. Ainda, 20% deles admitem que recorrem à assistente diariamente. Confira a pesquisa em detalhes clicando aqui.

Entendendo o funcionamento do voice commerce

Ainda ficou confuso como é o funcionamento do voice commerce? Então calma que nós vamos te dar o passo a passo de como uma compra ocorre utilizando essa ferramenta:

  1. Para que uma empresa possa vender um produto utilizando o voice commerce, ela precisa estar integrada com o sistema que o consumidor utilizará. Assim, quando o consumidor efetuar a busca, o assistente virtual encontrará a sua loja;
  2. O consumidor iniciará o assistente e pedirá para que ele faça a busca por “vestido longo verde tamanho P”;
  3. O assistente virtual localiza as opções e falará a lista encontrada no buscador;
  4. O consumidor fará a escolha do item que mais lhe agrada, falando “quero o vestido de alças de R$ 400”;
  5. O item será selecionado e o assistente perguntará qual é a forma de pagamento, tipo de frete desejado, dentre outras informações necessárias para o check out;
  6. Em seguida, o assistente confirmará os dados da compra e a forma de pagamento. Por exemplo, finalizando a compra de vestido longo verde tamanho P de alças por R$ 400 no PIX”. Basta o consumidor confirmar e a compra será efetuada.

Vantagens de preparar o seu negócio para o voice commerce

Neste momento é bem provável que você esteja se perguntando quais são as vantagens de ter o voice commerce no seu negócio, certo? Assim como com qualquer outra tecnologia, a intenção é facilitar atividades rotineiras e conquistar os clientes mais conectados. Mas, vejamos quais são as principais vantagens.

Buscas mais certeiras

Ao fazer uma busca na internet, é muito comum que os consumidores não sejam muito precisos com relação aos destaques do produto. Por exemplo, a busca se o consumidor quer comprar uma calça, ele pode digitar apenas “lojas que vendem calça jeans masculina”. 

Entretanto, quando o cliente faz a busca utilizando os assistentes virtuais, ele precisa dar mais detalhes para que o assistente encontre o que ele quer. Neste caso, a busca poderia ficar “lojas que vendem calça jeans masculina número 42 com corte reto na região do ABC Paulista”.

Desta forma, o assistente encontrará exatamente aquilo que o consumidor deseja. Por isso é tão importante investir em um bom SEO para voice commerce no seu site, garantindo que ele fique nas primeiras posições nos mecanismos de buscas e o consumidor faça a compra na sua loja.

A sua loja sempre aberta

As lojas físicas possuem horário de funcionamento, entretanto, quando você disponibiliza vendas pela internet, o estabelecimento nunca fecha. Assim, mesmo que o consumidor queira consultar os produtos que você vende e fechar uma compra às 2 da manhã, ele pode.

Claro que essa não é uma vantagem exclusiva do voice commerce, mas sim do e-commerce em geral. Entretanto, o fato do consumidor poder pesquisar e comprar a qualquer momento, faz com que ele escolha o momento do dia em que é mais conveniente para ele, o que melhora a experiência de compras dele.

Por falar em oferecer uma boa experiência de compras, confira o nosso guia completo Experiência do cliente no varejo: como padronizar e encantar seus clientes.

Agilidade na medida certa

A rapidez com que a informação é processada é maior quando você utiliza o assistente virtual do que quando você está digitando. Portanto, essa também é uma das vantagens que os consumidores encontram quando optam pelo voice commerce.

Vale a pena dizer que esse consumidor pode também ser conquistado para realizar compras nas lojas físicas. Neste caso é preciso focar na agilidade e na precisão do atendimento. Ou seja, você precisará ter uma equipe bem treinada, pronta para auxiliar o cliente e oferecer uma experiência única e personalizada.

Não sabe se a sua equipe está bem treinada? Ou não tem ideia sobre qual deve ser a abordagem dos treinamentos? Então confira o nosso guia completo Técnicas de vendas: O guia definitivo do treinamento ao pós-vendas.

Conquista novos públicos

O avanço da tecnologia, inclusive do voice commerce, permitiu a integração de outros públicos às empresas. Provavelmente um dos melhores exemplos que podemos dar é a inclusão de pessoas com deficiência.

Assim, quem não puder digitar, ou possuir alguma deficiência visual, poderá realizar as compras normalmente com os assistentes virtuais. Desta forma, se você investir no voice commerce conseguirá alcançar um público que muitas empresas ainda não conseguiram.

Afinal, o que eu preciso para preparar o meu negócio para o voice commerce?

Ficou curioso e interessado em oferecer para o seu público mais essa forma de comprar? Então é só continuar com a gente que daremos todos os detalhes que você precisa saber para implementar o voice commerce na sua empresa.

1. Integração com os assistentes virtuais

Essa é uma etapa importantíssima para que você consiga vender utilizando o voice commerce. Isso porque, se o seu e-commerce não estiver integrado com a tecnologia de inteligência artificial que os assistentes virtuais possuem, a sua loja pode até ser encontrada, mas o consumidor não conseguirá comprar utilizando essa ferramenta.

O primeiro passo para fazer essa integração com a inteligência artificial é utilizar uma API (interface de programação de aplicativos). Ela nada mais é do que uma ponte que conectará o seu sistema ao sistema de assistente virtual.

Como falamos anteriormente, existem diferentes assistentes virtuais e os seus clientes podem utilizar assistentes diferentes. Portanto, você precisa saber em qual deles o seu e-commerce deverá estar integrado.

2. SEO para voice commerce

Se o SEO (Search Engine Optimization, ou Otimização dos Mecanismos de Busca, na tradução para o português) já era importante para a sua loja virtual, ele se torna crucial para o voice commerce. Afinal, se a sua loja não estiver entre as primeiras opções na lista de resultados de busca, há grandes chances do cliente não ouvir o que a sua empresa tem para oferecer.

Por isso, na hora de criar conteúdos focado no voice commerce, os seguintes cuidados são necessários:

  • Dê preferência para a linguagem informal: quando realizamos uma pesquisa por voz, a tendência é optar por termos mais simples, mais próximos da forma como falamos do que como escrevemos;
  • Foque em palavras-chave de cauda longa: se nos mecanismos de busca convencionais as palavras-chave são geralmente curtas, no voice commerce o ideal é utilizar palavras-chave de cauda longa, ou seja, aquelas que possuem três ou mais palavras. Como no exemplo de busca que demos anteriormente para o vestido verde;
  • Faça perguntas e dê a resposta: uma das formas de conseguir melhorar o posicionamento do seu e-commerce na lista de busca dos assistentes virtuais é produzir conteúdo que responda a dúvidas comuns. Afinal, essa é uma das formas que os consumidores realizam buscas utilizando essa ferramenta.

3. Cuidado com a descrição dos produtos

Outro ponto importante ao qual você deve ficar atento para conseguir ter boas vendas no voice commerce é a descrição dos produtos. Lembre-se, a única forma do consumidor conhecer as características do produto e optar por fechar a compra, é a descrição, já que ele não estará vendo o item, ou mesmo podendo pegá-lo.

Dito isso, a recomendação é que você revise as descrições dos itens que já estão no seu site e inclua mais informações. Evite frases muito longas, que sejam difíceis de serem narradas pelos assistentes virtuais, afinal isso poderá comprometer a experiência do cliente e resultar na desistência da compra.

4. Segurança é fundamental

Quando falamos de tecnologia e compras realizadas online, não importa qual é a plataforma, segurança será sempre um ponto crítico. Isso ocorre porque, caso os consumidores não confiem na sua empresa ou na plataforma, eles não irão realizar a compra. 

Portanto, esse também é um ponto essencial para quem deseja ter sucesso no voice commerce. Além disso, você também precisa utilizar sistemas antifraude e cumprir todas as regras exigidas pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Desta forma, você estará passando maior segurança para o consumidor, deixando-o confiante e pronto para fazer as compras utilizando do voice commerce.

Desafios da preparação para o voice commerce

Como em qualquer outra ferramenta, a implementação do voice commerce na sua empresa também possui alguns desafios que devem ser superados.

Limitações técnicas

Nenhuma tecnologia ou estratégia funciona 100%. Isso não significa que você não deva utilizá-las, mas conhecer os pontos fracos te ajudará a contorná-los. No caso dos assistentes virtuais eles podem ter dificuldade de entender comandos de pessoas que tenham algum traço genético que afetem a fala, ou mesmo que tenham a pronúncia carregada.

Além disso, se o ambiente em que o usuário estiver possui muito ruído, isso também poderá interferir no entendimento e nos resultados de busca.

Mantenha o seu público informado

Não espere que ao implementar o voice commerce todos os consumidores darão preferência a ele. Muito pelo contrário, os seus clientes precisarão ser educados para entender como o sistema funciona e decidir se eles querem fazer a compra desse modo ou não.

De qualquer forma, jamais subestime a importância da sua loja física. Por mais que os consumidores estejam cada vez mais optando pelas compras online, muitos ainda preferem ir a uma loja para conferir o item desejado de perto.

E é justamente por isso que implementar estratégias para melhorar o ambiente de compras e ter uma equipe pronta para atender aos consumidores é fundamental. Porque se o cliente for mal atendido ou não gostar da loja, há grandes chances dele desistir da compra também pelo site ou pelo voice commerce.

Outro ponto que também pode influenciar no sucesso dessa estratégia é o conhecimento sobre como o voice commerce funciona e quando ele estará disponível na sua loja. Afinal, se os clientes não souberem que ele existe, provavelmente eles nunca irão experimentá-lo. Portanto, não se esqueça de planejar a divulgação da sua loja virtual.

Agora que você já conhece tudo o que precisa fazer para preparar o seu negócio para o voice commerce, confira outros artigos no nosso blog para saber como impulsionar a sua empresa e fidelizar os clientes de uma vez por todas.

Tenha a ferramenta completa para entregar experiências e aumentar seus resultados

A Listenplay te ajuda a divulgar suas promoções no momento certo de compra e em tempo real. 

Tenha anúncios instantâneos, locutores profissionais e virtuais, assistente de Inteligência Artificial e diversas playlists criadas por especialistas em música para negócios criando o ambiente perfeito de compra. 

A música certa tem o poder de aumentar o tempo de permanência na loja, a fidelização dos seus clientes e consequentemente potencializar as suas vendas.

Aproveite o nosso período de teste grátis para divulgar todas as suas promoções e impactar os seus clientes no momento certo: quando estão dentro da sua loja, com o produto na prateleira e o cartão no bolso.

Teste grátis agora mesmo a Listenplay e não perca mais vendas por falta de estratégia!

Compartilhe

Você também pode gostar

O que escrever para divulgar um produto: 5 dicas para não errar

Escrever textos é uma das principais formas de divulgar um produto, mesmo assim, nem sempre é fácil saber o que escrever. Seja por falta de experiência com esse tipo de divulgação, seja pelo famoso branco, ou porque você não se considera uma pessoa criativa. Não importa o motivo, o mais importante é saber como contornar…

Por Nayara Santos em 22.02.2022

Como Atrair Clientes Para Loja de Joias?

Você quer saber como atrair clientes para loja de joias? Confira os segredos neste artigo!

Por Nayara Santos em 19.06.2019

Como divulgar produtos no Facebook em 7 passos

As redes sociais são ótimas para você divulgar a sua marca e produtos. Entretanto, cada uma das redes apresenta as suas características e melhores formas de se fazer isso. Por isso, nesse artigo você vai aprender como divulgar produtos no Facebook para conseguir melhorar as suas vendas. Vem com a gente e aprenda mais essa…

Por Nayara Santos em 04.03.2022

Qual a melhor forma de divulgar um produto: descubra agora

Nem sempre é fácil escolher qual a melhor forma de divulgar um produto e, na verdade, talvez nem exista uma forma que possa ser classificada como a melhor. Isso porque, tudo depende de qual é o seu público-alvo, qual é o perfil da sua marca, qual o orçamento disponível para fazer os anúncios, dentre outros.…

Por Nayara Santos em 04.03.2022

Entenda a importância de considerar o regionalismo em franquias

Abrir uma franquia, geralmente, é um excelente negócio para o empresário, independentemente do segmento de atuação. Isso porque esse modelo (franchising) de empresa já tem um “molde” a ser seguido, além de oferecer apoio e consultorias diversas para os mais variados problemas que possam surgir — desde auxílio em gestão até uma comunicação padronizada. Mas…

Por Nayara Santos em 17.01.2020

Como melhorar as vendas no varejo de uma vez por todas? Saiba aqui!

Em meio às crises ou como plano de crescimento, toda empresa quer aumentar e manter os lucros. Cada segmento exige diferentes abordagens para que isso aconteça, e o varejo traz desafios próprios. Saber como melhorar as vendas no varejo é um diferencial para o seu negócio e pode fazer uma grande diferença no fluxo de…

Por Nayara Santos em 27.05.2020

Entrega expressa: Por que você deveria apostar nessa tendência

Atender com rapidez é um diferencial que pode não só melhorar a experiência do cliente, mas criar um vínculo emocional que estimule a fidelização. A entrega expressa é uma tendência de frete e grande aposta de empresas que desejam oferecer um serviço de qualidade. O comportamento do consumidor mudou, com isso, surgiu a necessidade de…

Por Nayara Santos em 23.12.2019

Guia Completo: Como ter um cliente fiel e satisfeito no varejo?

Ter um cliente fiel e satisfeito com a sua loja é um sinal de que você tem conseguido atender a demanda às necessidades desse cliente e que ele confia na sua loja. Entretanto, para conseguir alcançar esse objetivo, você precisa ter estratégias certeiras que foquem em oferecer uma melhor experiência de compras aos seus consumidores.…

Por Nayara Santos em 12.04.2022

Aprenda de uma vez o que é internet das coisas

Conforme a tecnologia evolui, novas possibilidades se colocam ao alcance do marketing e das vendas para trazer resultados cada vez melhores às suas estratégias. Um dos últimos exemplos disso é a internet das coisas (ou “internet of things”, IoT). No passado, cada aparelho digital se restringia às suas próprias capacidades e raramente conseguia se conectar…

Por Nayara Santos em 16.10.2019

Receba nossos conteúdos exclusivos